Televendas (11) 4565 2001
carrinho
0 itens
R$
0,00
Total
Frete

COLEÇÕES IMPERDÍVEIS

Não perca, com três DVDs mais cards e inúmeros extras, a TRILOGIA DA ESTRADA, reunindo três road movies de Wim Wenders - Alice nas Cidades, Movimento em Falso e No Decurso do Tempo - e SERIAL KILLERS, com cinco cults em torno de assassinos em série.

É TUDO VERDADE!

Em dois documentários de referência: TERCEIRO SINAL, registro dos bastidores de quatro peças teatrais - dirigidas por nomes como José Celso Martinez e Domingos Oliveira -, e a série CONTATOS, com três volumes que analisam métodos de trabalho de importantes fotógrafos.

CULTS

Michael Caine conseguiu o seu primeiro grande papel no cinema em IPCRESS: ARQUIVO CONFIDENCIAL, como o cínico espião Harry Palmer. E, elogiado por Martin Scorsese e Nick Cave, PELOS CAMINHOS DO INFERNO é um cult sobre alienação e ego masculino no interior da Austrália.

CINEMA BRASILEIRO

Dirigido e coescrito por Marcos Jorge (de Estômago), MUNDO CÃO é um thriller com Lázaro Ramos, em seu primeiro papel de vilão. E Eduardo Moscovis estrela O OUTRO LADO DO PARAÍSO, de André Ristum, drama biográfico premiado no Festival de Gramado em 2015.

SESSÂO DA TARDE NA 2001

Dois clássicos eternizados nas tardes da Rede Globo agora em DVD: AS 7 FACES DO DR. LAO, último filme dirigido por George Pal, vencedor do Oscar especial de melhor maquiagem, e ELVIRA - A RAINHA DAS TREVAS, comédia de horror kitsch estrelada por Cassandra Wilson.

CINEMA INDEPENDENTE

Coprodução entre EUA e Irã indicada ao Independent Spirit, GAROTA SOMBRIA CAMINHA PELA NOITE é um inusitado filme de vampiro em preto e branco falado em persa. E, considerado o novo Corra Lola, Corra, o alemão VICTORIA apresenta um plano-sequência de 134 minutos.

ARTE CONTEMPORÂNEA

A ARTISTA ESTÁ PRESENTE esmiúça o trabalho da sérvia Marina Abramovic, destacando sua exposição no MoMA em 2010. E, premiado no Festival de Sundance, AI WEIWEI - SEM PERDÃO acompanha três anos da vida do artista e ativista chinês - e sua luta contra o governo.

CLÁSSICOS DOS ANOS 70

Enfant terrible do cinema britânico, Ken Russell dirige O MESSIAS SELVAGEM, sobre o escultor francês Henri Gaudier-Brzeska, e Costa- Gavras, mestre do thriller político, recebeu o prêmio de melhor diretor no Festival de Cannes por SESSÃO ESPECIAL DE JUSTIÇA em 1975.